segunda-feira, 6 de maio de 2013

Treinador de Bancada


Jogo bastante fácil para o Elvas, que a equipa de arbitragem tentou complicar.

    O Elvas tinha pela frente o penúltimo classificado, que para além de ter poucos argumentos futebolísticos, provou que é uma equipa muito limitada fisicamente, tanto que apenas suportou 45 minutos numa dinâmica de jogo regular para um campeonato desta natureza. Na primeira parte o Elvas não impôs grande velocidade e os passes saiam errados, mas mesmo assim obteve 3 golos: Mañas no minuto 25, Chinita no minuto 28 e Luís Carapinha no minuto 40. No entanto, foi suficiente para desgastar fisicamente o adversário. O treinador Jorge Vicente, fez alguma gestão do plantel, tendo em atenção a próxima jornada, jogo difícil perante o Crato. Na segunda parte, muitos factos estranhos aconteceram, derivado a más decisões do juiz da partida. A expulsão do central Filipe Branco, 3 golos anulados e foras de jogo mal assinalados, tornaram o jogo atípico resultando em momentos de crispação contra o árbitro, num jogo que se fosse bem dirigido nada disto teria acontecido. Mesmo assim, a equipa elvense, teve sempre o domínio do jogo mostrando grande superioridade, quer técnico/tactica, quer na condição física, quer no aspeto anímico, porque a equipa de Esperança, desde o primeiro minuto criou situações de antijogo, demonstrando que não queria perder por muitos golos e o autocarro que colocou à frente da sua área ao intervalo já não tinha gasolina. Até em inferioridade numérica o Elvas era claramente superior e obteve nesta segunda parte, mais 5 golos por intermédio de Luís Carapinha no minuto 64 e depois André Canoa, que substituiu Luís Coelho, foi construindo os restantes 4 golos nos minutos; 66, 77, 81 e 85 e mais alguns ficaram por marcar, pois, teria sido hoje uma goleada histórica. Para acrescentar aos oito a zero, que valem mais 3 pontos, o Elvas também jogou em Santo Amaro, onde a equipa de Emanuel Baleizão venceu o nosso grande opositor o FC do Crato, facilitando assim a nossa tarefa, para as duas jornadas que restam do campeonato.

É lamentável que as equipas de arbitragem do distrito de Portalegre, insistam em prejudicar intencionalmente a equipa mais poderosa deste campeonato “dentro das quatro linhas”, porque nos bastidores existem outras equipas com mais argumentos. Infelizmente estas situações são muito habituais no desporto rei.

31 comentários:

  1. E se juntassem as equipas de bombos que participam no Carnaval e fossem todas ao Crato?
    Teriamos dezenas e dezenas de bombos a acompanhar os elvenses que lá iremos!

    ResponderEliminar
  2. Deveria ir um grupo organizado de tambores com as camisolas do Elvas, como era antigamente com a claque azul e oiro pois temos que demonstrar a grandeza deste clube.Ontem já se viu mais entusiasmo dos adeptos a puxarem pela equipa. O Elvas está de regresso aos grandes palcos.Viva o Elvas.

    ResponderEliminar
  3. Isso é tudo muito bonito, mas para mim não cola! Lembrarem-se dos tambores, claques etc... Quando é para subir é para mim da maior hipocrisia de quem fizer isso. As pessoas em Elvas só se lembram do melhor que têm nos bons momentos nos maus momentos desaparece tudo e ficam na sombra sempre a criticar! O verdadeiro adepto azul e oiro é aquele que domingo sim domingo não, faça sol ou faça chuva está no Patalino a apoiar a equipa. Não falo nas deslocações fora porque nem todos tem possibilidade para isso mas já se viu da última vez quando subimos que o estádio estava bem composto e agora está a acontecer o mesmo! Depois passa a festa e voltamos a ter falta de apoio aos jogadores. Isto tem de mudar ou se apoia nos bons e maus momentos ou então deixemos de ser hipócritas. Atenção que este comentário não visa nenhum dos anteriores simplesmente é a dura realidade do clube e de Elvas. Para dar um exemplo, eu por motivos profissionais estive vários anos a trabalhar e a viver fora do país mas nunca deixei de pagar quotas e nem de quando me possível ir apoiar a equipa, agora felizmente todos os jogos em casa lá estou no meu lugar cativo quer nos bons e maus momentos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo com o seu comentário, o elvas tem merecido mais apoio do que aquele que lhe tem sido dado, mas esta equipa ( deste ano) talvez tenha conquistado o apoio e a confiança da cidade (esperemos que sim), esta podia ser uma boa oportunidade para o clube fazer as pazes com a cidade e acolher novos sócios.

      Eliminar
    2. Para isso acontecer tem que se organizar uma claque de apoio ao Elvas que, como associação que zele pelos interesses de Elvas e do Elvas, teria certamente o apoio camarário. Com essa claque teríamos sempre animação quer em casa, quer fora.
      É questão de nos organizarmos!

      Eliminar
  4. Vamos ser objetivos.
    Hoje é terça-feira. Ainda nada está anunciado.
    Faltam quarta, quinta e sexta-feira.
    Por este andar, chegamos ao fim da semana e népia de autocarros.
    Sabem o que se passa?
    A velha diferença entre falar e fazer...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desculpe lá, mas quem é que disse que iria existir autocarro? Se alguém do FC Crato passar por aqui que deixe a indicação de quanto custa os bilhetes dos jogos :)

      Eliminar
    2. Aqui no Estádio Municipal do Crato os Bilhetes de não sócio são 5€ mas vai estar praticamente cheio só com os sócios do FC Crato e os adeptos da equipa visitante se quiserem ficam de pé no lado oposto à bancada, neste jogo vamos mostrar que somos os melhores do distrito.

      Eliminar
    3. Pois erro meu esqueci que tinham um estádio a vossa altura, pequenino! Bem sendo assim vou ver um jogo de borla ao Crato.

      Eliminar
    4. O estádio do Crato leva 840 pessoas. A vila do Crato tem 1600 habitantes. Vão encher o estádio? Metade da população da vila vai ao jogo!?

      Eliminar
    5. Eles vão tantos que se formos a ver haverá mais pessoal de Elvas do que do Crato.

      Eliminar
  5. se for preciso ficamos a porta à espera que o jogo acabe para recebermos os campeões!

    ResponderEliminar
  6. Alguem (talvez a direcção do O Elvas) que encomende bilhetes.
    Ou em alternativa vamos ver o jogo do lado de fora á borla!!!

    ResponderEliminar
  7. Ainda não entenderam que os 840 é no campo todo, mas as bancadas levam 350 e são só para sócios do clube, portanto o restante espaço é para os adeptos dos outros clubes.Serão bem recebidos aqui mas terão de ficar de pé.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E pagar 5 euros para ver um jogo de pé? Pedem tanto dinheiro para depois dar 0 de comodidade as pessoas? E se os sócios não encherem os lugares as pessoas não se podem sentar?

      Eliminar
  8. Volto a pedir objetividade.
    Hoje é quarta-feira.
    Só faltam quinta e sexta.
    Não oiço falar de autocarros nenhuns.
    Queres ver que chega o final da semana e não aparece nada?
    Algo não está a correr bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei se haverá autocarro dado que o estádio do FC Crato não tem condições paras a pessoas assistirem ao encontro. Mas já agora ouviram alguém do clube ou da CME falar em autocarro para este assunto estar a ser discutido?

      Eliminar
  9. Temos de os compensar...
    Eles recebem 5 euros e fazem de cabeçudos na festa do Elvinhas

    ResponderEliminar
  10. Com todos os problemas que existem na cidade, agora a nova preocupação é se existem autocarros para o crato? por amor de deus, haja paciência... e já agora para que a euforia da subida, se depois vai faltar dinheiro e os resultados são sempre os mesmos? Sou adepto de futebol e sócio d'O Elvas, mas não compactuo com este tipo de situações.

    ResponderEliminar
  11. Já agora levo isto até ao fim.
    Hoje é quinta-feira e só falta sexta, até ao fim-de-semana.
    Não oiço falar de autocarro.
    Já estou a calcular o Elvinhas sozinho no Crato.
    Muito se fala nesta terra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se a direcção não consegue arranjar um ou dois autocarros como se espera que arranjem dinheiro para se manterem na IIB?

      Eliminar
    2. Se fosse os iniciados arranjaria de certeza meios de transporte para os adeptos. Enfim, ainda não acabou o campeonato e a esta direcção já está a mostrar como vai ser a próxima temporada na IIB. Mais um ano a gastar dinheiro para voltarmos a estaca zero... daqui a um ano estamos de volta ao distrital de Portalegre.

      Eliminar
    3. Eia tanta agressividade! Depois desta direcção ter contratado um bom plantel, depois de ter contratado um bom treinador que desde Lito Vidigal não se via por aqui e depois desta direcção ter abatido mais 10 mil euros de divida do clube anda-se agora a criticar por causa de um autocarro? Tenham santa paciência. O estádio do Crato só tem 380 lugares segundo disseram por aqui esses mesmos lugares estão reservados para os sócios locais querem que a direcção leve um autocarro para depois estar tudo de pé sem comodidade? Quem quiser ir vá de carro como eu!

      Eliminar
    4. Está a desculpa montada para a incompetência.
      Isto demonstra o que esta direcção vale. Para gerir o dinheiro estão aprovados. Para arranjar esse dinheiro e em termos de comunicação estão reprovadíssimos.

      Eliminar
  12. Caro amigo não é agressividade, é a realidade. Concordo com a primeira parte do seu comentário mas face ao estádio do Crato só ter 380 lugares sentados e para os seus associados pergunto, é mais importante estar cómodo ou ir apoiar o nosso Elvas rumo a subida seja em que condições for... Lembro-me há alguns anos atrás o vizinho Campomaiorense foi jogar a meia final da taça a Esposende, as pessoas é que se organizaram e alugaram autocarros, ainda assim se se lembra do jogo havia adeptos do Campomaiorense pendurados até nos postes da luz do estádio. Por isso devíamos tomar como exemplo que só interessa apoiar o clube...

    ResponderEliminar
  13. A afirmação que o Estádio Municipal do Crato só tem 350 lugares sentados na bancada é absolutamente gratuita.
    Só possível por parte de quem seja mentiroso, ou não conheça a bancada.
    Para dar uma ideia é uma bancada próxima dos Assentos em Portalegre, ou maior que a de Gavião, por exemplo.

    Os adeptos do Elvas poderiam lá ir nas calmas.
    Se... houvesse vontade de os levar.

    Em Mangualde, há 27 anos, os lugares disponíveis para o visitante eram de pé, atrás da baliza, à chuva e estavam lá milhares.

    Tanta parvoíce!!!...
    A carreira de "O ELVAS", nesta temporada, de dezembro para cá, merecia que alguém se tivesse mexido.
    E os adeptos deveriam ir de "qualquer maneira": de autocarro, de automóvel, de comboio, barco ou avião.
    Seria o que fizesse falta.
    Que tristeza!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porque não se mexeu você? Fala fala mas não faz nada. Eu cá vou na minha viatura e não me queixo. Se você e outros ilustres que por aqui estão a destilar veneno se chegassem a frente e fossem a sede do clube propor isto as tantas isto tinha ido para a frente mas não acaba-se por vir para internet falar falar falar e ficar a espera que as coisas aconteçam.

      Eliminar
    2. Respondo-lhe como se fosse eu que tivesse feito o comentário anterior:
      Não nos mexemos nós os sócios porque simplesmente compete à direcção, perante esta situação, no mínimo ter organizado um ou dois autocarros para levar os adeptos do Elvas ao Crato. Era uma homenagem justa à equipa de futebol e ajudaria em muito a uma vitória no Crato. É que era mesmo o mínimo que se podia fazer. E mesmo assim nada fizeram e ficaram muito, mas muito mal vistos.
      Se nem um ou dois autocarros conseguem pedir à Câmara, como é que podem conseguir pedir mais apoios para a época seguinte na IIB?
      Esta atitude é simplesmente ridícula e revela a pequenez da direcção que se é boa em finanças, é muito má na angariação de fundos e na comunicação. Se não gostam de ouvir isto paciência, mas é a verdade e demonstraram-no mais uma vez neste caso. Assim não vamos longe. Vamos até à IIB uma época para ser trucidados e voltarmos de novo aos Distritais na época seguinte. E com esta mentalidade pequena ainda vão acabar por dizer que o Elvas tem que se resumir a jogar com o Terrugem e com o Mosteiros.

      Eliminar
    3. E com que dinheiro se pagava o aluguer do autocarro? Acham que uma coisa tem a ver com a outra? Para deixar bem claro eu não faço parte da direção nem concordo contudo o que esta faz. Mas dada a atual crise econômica e todo o dinheiro deve ser o máximo possível poupado para ajudar a equilibrar as contas do clube! E também quero deixar uma pergunta onde andavam durante a época? Que eu tenha visto nos outros jogos fora eram sempre os mesmo a ir apoiar a equipa, agora que estamos quase a ser campeões é que uma data de gente se lembra de ir apoiar o Elvas fora? Ou só se lembram do Elvinhas quando este está na mó de cima?

      Eliminar
    4. Eis mais outro comentário que demonstra tudo o que disse no comentário anterior.
      Com que dinheiro se pagava o aluguer do autocarro?
      O autocarro ou autocarros eram cedidos pela Câmara como é óbvio!! As coisas têm é que ser faladas como deve ser. Então num momento destes para o Elvas e com o Presidente a vibrar como vibrou no último jogo, a Câmara ia negar emprestar um autocarro!? Não brinquem comigo...
      E estar a atacar os sócios que querem ir apoiar o clube num jogo decisivo e não podem por causa de incompetência e pequenez de pensamento então isso é excelente!!!

      Eliminar
  14. as pessoas estão no direito de irem ver os jogos que querem? os sócios pagam por isso são que manda. se não quiser ir ao futebol porque acha que a equipa não esta a corresponder esta em todo o seu direito e ninguém o pode obrigar, se um adepto acha que a equipa está a jogar bem e lhe apetece ir ao jogo vá.. e os outros so tem de comer e calar.. cada um vai ao jogos que quer e bem lhe apetece

    ResponderEliminar